• Claudia Novaes

O desafio de mudar: Por que é tão difícil e como fazer para vencê-lo?



Sem sombra de dúvidas, agarrar-se ao desafio da mudança é mais difícil do que se imagina, e para algumas pessoas chega a ser impossível enxergar tão possibilidade. Embora sejam traçados inúmeros planos e objetivos, parece que algo sempre atrapalha este processo, gerando muitas angústias e frustrações. Então como fazer para vencer o desafio de mudar?Para entender sobre porque é tão difícil mudar, o que fazer para transformar esta situação e finalmente, como alcançar os sonhos e objetivos desejados, confira nosso post em nosso blog sobre Coaching e Mentoria.Principais fatores que envolvem o desafio de mudarPara que seja possível identificar as dificuldades em mudar, é indispensável considerar alguns fatores, que são:

Resistência

Grande parte das vezes, as mudanças que desejamos deixam de ocorrer justamente pelas nossas resistências. Por mais que queiramos atingir determinado objetivo, muitas vezes resistimos a romper com certos hábitos que atrapalham nossa vida, fazendo com que permaneçamos “andando em círculos”.Crenças LimitantesOutro fator que dificulta bastante o processo de mudança trata-se das crenças limitantes. E o que são essas crenças? Elas consistem naquela falsa percepção de que:Não somos capazes;Não somos bons o suficiente;Não merecemos;De que as coisas nunca irão mudar;De que a vida é dura e difícil para todos.Em resumo, as crenças limitantes sempre são negativas, fazendo com que as pessoas sintam medo, angústia e principalmente falta de ânimo para conquistarem seus sonhos.

Permanência na zona de conforto

Muitas vezes as pessoas realizam grandes mudanças apenas quando são movidas pela dor ou uma grande sensação de ameaça. Como assim?

O ser humano tende a querer permanecer o máximo de tempo possível em sua zona de conforto. Desse modo, enquanto determinadas situações não o ameaçarem ou prejudicarem o suficiente, dificilmente ele tomará ações efetivas para mudar.

Isso fica bem claro quando vemos casos de pessoas que passaram a cuidar melhor da alimentação e a praticar atividade física somente após um problema grave de saúde.

Também é possível enxergar essa situação nos inúmeros relatos de profissionais que “jogaram tudo para o alto” após chegarem no limite do estresse e da insatisfação com a carreira para finalmente trabalharem com aquilo que realmente amam.


Afinal, o desafio de mudar pode ser vencido?

Sim com certeza. Entretanto, é necessário estar disposto a:


Rever suas crenças

Seja com relação às pequenas ou às grandes mudanças, o primeiro grande passo consiste na disposição em rever crenças.

Para isso, é necessário identificar quais as crenças limitantes ou negativas que “assombram” a mente fazendo com que nos sintamos paralisados. É o medo? A incerteza? A insegurança? A sensação de impotência?

Identificar as crenças negativas é o primeiro passo para modificá-las, buscando desenvolver pensamentos positivos que espantem de vez esses “fantasmas limitantes. ”


Começar pelas mudanças menores

Outra postura que ajuda bastante para vencer o desafio de mudar consiste em começar pelas mudanças de menor impacto.

Por exemplo, se desejamos manter a casa mais organizada, podemos começar por exercitar o hábito de todos os dias lavarmos a louça imediatamente após o uso, evitando que ela fique acumulada na pia.

Pode parecer bobagem, mas essas pequenas mudanças de hábito acabam interferindo em todos os nossos comportamentos e atitudes, inclusive no que se refere às grandes mudanças.


Estabelecer metas alcançáveis

Principalmente no início do ano, é natural que as pessoas se proponham a atingir metas mirabolantes. Entretanto, isso apenas dificulta um autêntico processo de mudança.

Para que seja possível obter os melhores resultados e de fato conquistar os benefícios de mudar hábitos, é indispensável estabelecer metas possíveis de serem alcançadas. Do contrário, o sentimento de frustração continuará.


Focar nos benefícios da mudançaPara vencer o desafio de mudar, é fundamental não perder o foco nos benefícios que esta mudança proporcionará.Para quem deseja emagrecer por exemplo, focar nos benefícios da mudança corresponde a pensar na saúde e no ganho estético que será obtido, sobretudo naqueles momentos em que se deseja comer uma sobremesa mais calórica.É muito importante que isso seja feito, pois do contrário, a tendência é desviar do compromisso assumido com nossos resultados, gerando as desistências e frustrações.Pensar nas vantagens da mudança e nos benefícios que poderão ser obtidos a longo prazo é a grande chave para que seja mantida a determinação em busca do alcance dos nossos sonhos e objetivos, vencendo de vez o desafio de mudar.

Experimente a mudança, você e todos ao seu redor, vão se surpreender!

Ah e não esqueça de compartilhar comigo como foi a sua experiência.


83 visualizações